Vacina 2ª Dose

Vacina 2ª Dose

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Internauta denuncia prática abusiva na Vivo em Santarém

O internauta Patrício Moraes denunciou nas redes sociais a forma de atendimento da loja Vivo em Santarém, que estaria encaminhando seus clientes para efetuarem alguns serviços de cadastro de linhas pré-pagas em outra loja de telefonia, alegando que na loja oficial o sistema estaria fora do ar. Curiosamente esta outra loja sempre está com o sistema ativo e cobrando valores que a loja oficial não cobraria dos clientes. 

Em seu perfil no Facebook, Patrício postou: "MÁFIA - Você vai por 3 vezes na loja da Vivo, em Santarém, para resgatar um número em um chip novo que custa R$10,00 e nunca tem sistema para esse serviço, mas é encaminhado para uma loja ao lado que está com sistema funcionando para fazer o serviço, por R$25,00. Alô Órgãos de Defesa do Consumidor, vamos Trabalhar." 



O Código de Defesa do Consumidor traz uma série de atos que são considerados práticas abusivas e que são vedados na relação de consumo. O comportamento da Vivo em questão pode ser enquadrada no artigo 39 do CDC. Para piorar a situação da empresa, na postagem do cliente, outras pessoas denunciaram ter passado pelo mesmo problema. Vejam no print abaixo:










Um comentário:

  1. E verdade...a vivo em Santarém esta nos roubando na cara de pau....temos que cobra providencias nos órgãos responsáveis...isso tem que acabar....eu sou mais uma vitima de roubo por parte da loja vivo em Santarém.

    ResponderExcluir