Vacina 2ª Dose

Vacina 2ª Dose

segunda-feira, 30 de julho de 2012

Sala de Visitação oferece ambiente adequado a filhos de detentos

Um ambiente adequado à manutenção do contato familiar dos detentos com os filhos foi inaugurado na manhã desta sexta-feira (27) no Centro de Recuperação de Castanhal (CRCAST), no nordeste do Pará. A nova Sala de Visitação Infanto-Juvenil permite aos presos receber os filhos em um espaço mais humanizado, projetado para o incentivo da convivência familiar como instrumento de reinserção social. A preparação do novo espaço resulta de uma parceria entre a direção do Centro de Recuperação e o Poder Judiciário, que por meio da juíza Giovana de Oliveira, da 4ª Vara de Execução Penal de Castanhal, providenciou a transferência dos internos do regime semi aberto para a Colônia Agrícola Heleno Fragoso.

Com a cela do regime semi aberto desativada, o espaço foi revitalizado, e agora dispõe de uma brinquedoteca. Segundo o diretor interino do Centro de Recuperação, Ringo Alex, os detentos “perdem a liberdade, mas não os seus direitos. É gratificante a alegria deles em ter a oportunidade de desfrutar de um espaço adequado para a visita de seus filhos”.
A inauguração da Sala, disse ele, é apenas o primeiro passo "de um grande projeto de reestruturação da unidade, visando a reinserção dos presos, que inclui ainda a instalação de salas de aula e o oferecimento de cursos profissionalizantes”.
O tenente-coronel Jean Marcel, coordenador geral penitenciário da Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe), ressaltou a importância da iniciativa. “Vejo com satisfação a consolidação deste espaço, pois é um ponto de partida para outros projetos que contribuirão para a reinserção social. Em toda a Susipe, antes de se pensar na necessidade legal, há a necessidade social e moral de se oferecer uma recepção adequada, onde essas crianças possam vir a uma unidade prisional e sentir-se à vontade, sem a agressão visual do ambiente do cárcere. Essa sala reflete tudo aquilo que o sistema busca, que é consolidar a dignidade do interno. Nós precisamos de disciplina, mas também precisamos oferecer respeito aos internos e a todos os seus familiares”, destacou.
O diretor do Núcleo de Reinserção Social da Susipe, Ivaldo Capeloni, e a juíza Giovana de Oliveira, também participaram da solenidade de inauguração da Sala de Visitação.
A solenidade de inauguração foi encerrada com a oração do “Pai Nosso”. Em seguida, cerca de 40 internos participaram do batismo nas águas, realizado pela Igreja Quadrangular. A ação integra o projeto “100% Liberdade”, cujo objetivo é evangelizar a população carcerária. Valber Duarte, coordenador do projeto, destacou a importância da religião para a reinserção social. “O temor a Deus é de fundamental importância para a reinserção social, pois quem teme à Deus não fere o próximo. Quando há uma nova escolha o interno passa a refletir sobre a sua vida”, declarou.

Fonte: Agência Pará de Notícas

Nenhum comentário:

Postar um comentário