Vacina 2ª Dose

Vacina 2ª Dose

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Núcleo Amazônico do Escritório das Nações Unidas será instalado no Pará

O primeiro Núcleo Amazônico do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) será criado no Pará. A assinatura do Memorando de Entendimento entre o Governo do Estado do Pará e o representante regional para o Brasil e Cone Sul do UNODC, professor Bo Mathiasen, foi formalizada na manhã desta quinta-feira, 24, no auditório do Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, em Belém.



O escritório, que será instalado em Belém no segundo semestre deste ano, tem como principal objetivo seguir e aplicar as leis brasileiras e as normas das Nações Unidas e das Convenções Internacionais ratificadas pelo Brasil, em matéria de políticas públicas para a melhoria da qualidade de vida da população e a garantia dos direitos humanos na Amazônia paraense, podendo estender-se aos demais estados da região, por meio de instrumentos legais específicos. “Esse escritório terá o papel de contribuir na produção de estudos, propostas e projetos voltados para o combate ao crime. O crime não prospera em uma sociedade que se determina a combatê-lo. Além disso, a parceria firmada com a ONU é um passo que o Pará está dando para se tornar contemporâneo e protagonista de um novo tempo”, ressaltou o governador Simão Jatene.


A cooperação técnica firmada entre o Pará e o UNODC será compartilhada por meio da formulação e a implementação de estudos, projetos e programas nas seguintes áreas: controle da violência; enfrentamento ao tráfico de drogas, de pessoas e de armas; prevenção pedagógica ao uso de drogas; participação da sociedade civil nos sistemas de polícia e de justiça criminal; regime penitenciário e alternativas à prisão; reinserção social e atenção à saúde da população prisional; valorização do profissional de segurança pública; ações de enfrentamento ao crime organizado; preservação e controle de crimes ambientais; tecnologia e crime; combate ao trabalho escravo e proteção dos direitos humanos.


A coordenadora do Pro Paz, Izabela Jatene, ficará à frente da equipe responsável pelo núcleo em Belém. Segundo ela, uma das principais vantagens do núcleo é que, a partir de agora, os dados do Pará e da região amazônica serão levantados por um único órgão. “Para contar a história do nosso estado para o resto do mundo nós precisamos primeiro começar a contar a história dentro de nós”, enfatizou.


O representante regional do UNODC, Bo Mathiasen, explicou que o papel da ONU tem mudado ao longo dos anos e a instalação do escritório na região Norte tem a ver com essas transformações. “Sabemos que o Pará e a Amazônia possuem características peculiares e são regiões cobiçadas e muito vulneráveis. A criação do Núcleo viabilizará bases sólidas para pesquisas, investimentos e uma cooperação para prevenir a violência e para que possamos lutar por uma sociedade mais justa”, concluiu.


UNODC


O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) implementa medidas que refletem as três convenções internacionais de controle de drogas e as convenções contra o crime organizado transnacional e contra a corrupção. No campo de segurança pública, o UNODC trabalha para ampliar a capacidade dos países em oferecer uma resposta à criminalidade. Para isso, busca reforçar a ação internacional contra a produção de drogas, o tráfico e a criminalidade associada às drogas, por meio de iniciativas como projetos de desenvolvimento alternativo, monitoramento de cultivos ilícitos e programas contra a corrupção e a lavagem de dinheiro.

Fonte: Agência Pará de Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário