Vacina 2ª Dose

Vacina 2ª Dose

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Petrobras quer reajustar preço da gasolina para reforçar caixa e investir

Apesar de o governo já ter cedido à Petrobras, autorizando dois reajustes para o diesel e um para a gasolina em pouco mais de um mês, a estatal quer mais. Segundo o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, a presidente da petrolífera, Maria das Graças Foster, tem insistido na necessidade de dar novo aumento para a gasolina, como forma de reforçar o caixa da empresa para tocar investimentos. O Palácio do Planalto e o Ministério da Fazenda, porém, resistem, por temerem um impacto mais forte na inflação, num momento de queda da taxa básica de juros (Selic).

Segundo Lobão, os últimos reajustes no combustível foram calibrados de modo que pudessem ser compensados pela Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide), mas acabaram ficando aquém do que a Petrobras precisava. 

“São preços realmente defasados, não alterados há muitos anos”, disse. A Cide foi zerada quando a estatal aumentou em 7,8% o preço da gasolina nas refinarias, medida que passou a valer em 25 de junho. Assim, uma nova alta do combustível acabaria sendo repassada ao consumidor, como aconteceu com o óleo diesel, que ficou 4% mais caro nos postos após o segundo aumento, ocorrido neste mês.



Fonte: O impacto

Nenhum comentário:

Postar um comentário