Vacina 2ª Dose

Vacina 2ª Dose

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

4° naufrágio em 3 semanas deixa um morto e um desaparecido

Mais um naufrágio envolvendo uma pequena embarcação aconteceu na noite de terça-feira (15), em Santarém, oeste do Pará. Este já é o quarto acidente com este tipo de embarcação em menos de um mês na região. O acidente aconteceu por volta das 18 horas no Lago do Maicá. De acordo com testemunhas, a embarcação tinha capacidade para apenas duas pessoas, mas pelo menos sete estavam a bordo.

Cinco conseguiram sobreviver. Um adolescente de 13 anos, Israel dos Santos Lima, morreu e outro de 15 anos, Mateus dos Santos Lima, está desaparecido. O Corpo de Bombeiros fez buscas no local até as 22 horas. No Instituto Médico Legal, familiares da vítima afirmam que o adolescente foi encontrado vivo. “Ainda tava batendo o coração dele, só que, por incompetência dos bombeiros, que não ajudaram, mandaram o Samu voltar e não deram apoio para a criança. Quando ele chegou ao Pronto Socorro que ele faleceu. Foi a mãe que foi fazer a respiração nele, ele reagiu, mas tinha demorado muito e não conseguiram reanimar a criança”, relata a tia do adolescente, Luciane Silva de Lima, contando que garoto foi levado para o hospital em um carro de frete. “A população carregou ele da beira do rio até uma certa parte e pedimos para um senhor trazer ele para o hospital num caminhão de frete”, conclui.

Já o tenente Clodoaldo, do Corpo de Bombeiros, afirma que o adolescente foi encontrado morto. “Já não foi encontrado com vida, haja vista o tempo que ele ficou submerso era longo. Umas duas horas ele foi encontrado depois do naufrágio”, explica. O adolescente Gleison Mota dos Santos, de 16 anos, estava na bajara e relatou à reportagem da TV Tapajós detalhes sobre o naufrágio. “A gente era sete. Atravessamos eu e um rapazinho numa canoinha bem miudinha. Na hora que chegamos na beira do rio, saíram eles cinco noutra canoa, quando chegou mais ou menos no meio do canal, afundou a canoa. A canoa vinha cheia demais. O menino chamou pra atravessar de duas vezes, aí o outro disse que dava para a gente atravessar, mas tinha três pessoas que não sabiam nadar e se apavoraram e alagaram a canoa”, conta.  As buscas irão recomeçar por volta de 8 horas da manhã desta quarta-feira (16).

Outros casos

Este é o quarto naufrágio envolvendo embarcação de pequeno porte em três semanas na região. Uma bajara naufragou no dia 6 de outubro, na comunidade de Aramanai, no município de Belterra, distante aproximadamente 45 quilômetros de Santarém. Seis pessoas estavam na embarcação. Cinco delas conseguiram se salvar e um homem ficou desaparecido até ser encontrado 24 horas depois. Ele tinha ficado à deriva, amarrado a um recipiente com combustível, o que lhe provocou queimaduras. No dia 4 de outubro, uma bajara com quatro pessoas, entre elas duas crianças, uma de 6 anos e outra de 3 meses, virou em frente ao Porto dos Milagres, no bairro Uruará, em Santarém. Uma família que fazia a mesma travessia foi quem prestou socorro. Todos conseguiram se salvar. Uma pessoa desapareceu após naufrágio envolvendo uma bajara no domingo (13), no rio Amazonas, na região do Lago Grande, em Santarém. Os bombeiros só ficaram sabendo do naufrágio dois dias após o acidente. Cinco pessoas estavam na embarcação, sendo que quatro conseguiram se salvar após nadar até as margens do rio. 

Fontge: Notapajos com informações de Ronilma Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário